A Garganta da Serpente
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

Rascunhos

(Davi Silva)

O que se pode dizer de novo sobre o mais doloroso,
completo, sublime,intenso, sufocante ...
sobre o maior de todos os sentimentos ...
Sobre o amor ...
isso que é tanto e é nada ...
Nada.
Para frustração de todos nossos futuros pretensos poetas,
NAda pode ser dito ...
Mas sintam!
... que melhor que explicar ou dizer,
viver e morrer grandes amores
é o que temos nesse mundo a fazer
"E o meu tudo pra ela era nada,
e o meio termo ... é uma droga."
não gosto de poesia ...
procuro em cada verso, não a beleza das palavras,mas a história que elas contam
em cada rima triste, um sinal do adúltero que a causou,
ou em cada palavra lasciva a imagem dos corpos em luxúria e êxtase.
E penso na leviandade das palavras dizendo coisas diferentes
apesar de serem o mesmo conjunto de letras
como o homem que apesar de amar uma satisfaz a carne com outra ...
Ou outras...
Porque não buscar em um só alguém o sentimento completo?
Que satisfaz o corpo e alma?
" ... pesquisas apontam que o consumidor adulto, na faixa etária entre 18 e 40 anos,
procura sempre a variedade em detrimento a qualidade ..."
não gosto de poesia ...
mas elas carregam sentimentos ...
e são ótimas quando se quer levar alguém pra cama.
"... e o bom de ser triste é que cada faísca de felicidade nos leva alto demais ..."

  • 2410 visitas desde 28/11/2005
menu
Lista dos 2201 contos em ordem alfabética por:
Prenome do autor:
Título do conto:

Últimos contos inseridos:
Copyright © 1999-2020 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com.br