A Garganta da Serpente
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

Caleidoscópio

(Ines Lempek)

A tempestade abre a janela. O mundo troca de roupa. Pedaços da paisagem lá fora caem um por um. Estilhaços de final de tarde escorrem pela trilha do tempo. A preta noite vem. No fundo do olho, um caleidoscópio. A alma agora veste a poeira lunar. Muito frio aqui dentro. Venha logo.

  • 2413 visitas desde 4/04/2007
menu
Lista dos 2201 contos em ordem alfabética por:
Prenome do autor:
Título do conto:

Últimos contos inseridos:
Copyright © 1999-2020 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com.br